segunda-feira, 21 de novembro de 2011

ENCARGOS DA SENHORA DAS SOMBRAS




""Sou a Deusa que através das Sombras manifesta a Sabedoria

Sou Aquela que é grave e severa.

Sou Aquela que é cruel e vingativa.

Sou Aquela que castiga severamente aquels que arrostam a minha cólera.

Sou a mulher despeitada e furiosa,
Deusa dos Mortos e das Criaturas do Submundo,
que me ajudam a manter a ordem no reino das sombras.

Sou Aquela que caminha pelo Mundo Inferior.

Os cumes das altas montanhas tremem
e os bosques ressoam com a voz das feras que persigo.

Sou a Senhora audaciosa e do coração indomável

A mais temível das Deusas.

Aquela cujo olhar faz tremer as abóbadas do mundo.

Mas sou também a esperança pressentida e sussurada pelos meus filhos
secretos.

E em meus mistérios os conduzirei novamente ao instinto seguro.

Sou o Corvo Negro que se transforma em Fênix
de plumagem verde e dourada

Sou uma fortaleza nas colinas

Sou o mistério e a linguagem secreta das aves.

Conheço as marés e seus cilcos e a força de todos os ritos.

Sou o coração da Terra e se desejar poderá estar comigo.

Pois eu venho ao encanto do seu chamado.

Assim como o ar da meia-noite vem ao encanto da Lua.

Volte para mim quando as sombras ameaçarem vencer você

Pois pela escuridão da morte e pela luz branca do nascimento eu o revigoro.

Estamos juntos em sangue e espírito,

Até a última estrela escurecer no céu e o Inverno vir para o Universo.""

 Wicca, A Religião da Deusa - Claudiney Prieto