segunda-feira, 22 de julho de 2013

Parar também é necessário.

Existe um momento em que é necessário parar de fazer...parar de correr.
Deixar que as "coisas" nos encontrem,simplesmente.

E pensamos assim: isso é fácil!É tudo que eu queria...
Mas na realidade,pode não ser tão fácil .
Parar consiste em desapegar da "luta",da adrenalina que ela traz,da necessidade 
de provar ao outro como mereço isso ou aquilo.

A questão é muito mais profunda...

Aonde,dentro de mim mesmo,não consigo enxergar o que basta?
Seja na grana,no amor,no trabalho,no sexo,na comida,etc...etc...
O que me impede de parar e  enfim "receber"?
Será que percebo o quanto já fiz ou nem vi o que produzi,pois estava ocupado demais
em fazer...

RFM- Scheiben 07RFM- Scheiben 10
http://www.albideuter.de/html/royal_fez_moroccan.html


Se estou sempre "fazendo",posso ter uma dificuldade em receber...ou ainda,em não me 
achar merecedor em receber  e  nem dar espaço para isso.
Posso  ter  medo de ser esquecido,não ser aprovado...de não ser "visto".

Baixe a guarda!
Sim queridos, a "enxada" do nosso amigo do 7 de ouros também pode ser uma arma!
Aquela que escraviza de verdade,pois nos faz pensar que sem ela não existimos.

Respire fundo e se dê a permissão de desfrutar de tudo que é seu por mérito.
Olhe o que já te pertence.
Cada objeto já conquistado,representa na verdade a experiência que foi ao 
adquiri-lo.
Só resta de importante aquilo que foi vivido e não a coisa em si!
A prosperidade já existe em você,apenas não se deu conta disso,
AINDA...

No fim das contas,não tem nada a ver com  bens de consumo ou
adquirir coisas.
Tem a ver com satisfação!


Tenham uma semana grandiosa!
Abençoados sejam
Cris Muiños
















Nenhum comentário: