quarta-feira, 27 de novembro de 2013

O Controle do Carro

Oi gente!                                       

Hoje vou falar   de como   uma carta pode nos levar intuitivamente para bem longe da aparência convencional de um arcano.
Pois é... vamos voar um pouco.
E por uma "feliz coincidência",saiu a carta do Carro ou Carruagem,
arcano maior VII.


OE- VII - Der Wagen

Ao tirar a carta,comecei a pensar sobre a bagunça ao meu redor...e o que isso tem a ver com o arcano??
Porque me veio esse tema na cabeça?

Comecei a pensar o quanto me incomodava conviver com a bagunça  no meu mundo externo ou se me custaria muito mais não  me conformar com ela e tentar mudá-la insistentemente...

Vamos lá!Sigam-me os bons!
Vamos pegar  o" fio de Ariadne" para ninguém se
 perder ....rs

Temos nosso mundo interno e nosso mundo externo...
Um  a refletir o outro  como um espelho.
Num primeiro momento, vamos colocar nossos pensamentos  e emoções como o  mundo interno  e nosso corpo ou a  casa ,como o mundo externo mais próximo de nós.Certo?

AW- VII - Der WagenVamos definir por " bagunça" aquilo que não se encontra no lugar que determinamos  internamente  como adequado.
Nosso mundo interno,nossas "regras".

Esse determinar lugares no mundo externo,nos faz assumir o controle da situação,nos dando a sensação
de estar no comando.
Quando algo não está no lugar, penso que não tenho controle.Será mesmo?

Vejo  no Carro  um  grande  exercício de  auto-controle.

Reparem:  a figura está lá toda imponente,um vencedor diga-se de passagem,e a sensação é que  tudo flui de acordo com sua vontade.

Ou por outro lado,ele se mantém no controle  e não importa o que esteja acontecendo!

Ele não tem rédeas para direcionar o Carro,nem isso importa...
a questão é que o mundo interno,
tem  bem definido metas  que independem dos obstáculos no mundo externo,da bagunça ou o que  quer que seja!

Os cavalos ou esfinges podem ir para onde quiserem... 
mas o Carro vai chegar aonde o seu condutor quer.

Se eu,além de condutor, sou também o "Carro",pois  ele é meu reflexo,me basta dar a devida direção para  que eu chegue aonde quero,não é?

Usando o recurso das figuras geométricas para representarmos o arcano,teremos um triângulo sobre 
BW- VII - Der Triumph- wagenum quadrado.Sugestivo,não?

Vamos definir de maneira simples: o triângulo representando o espiritual(tudo que habita o corpo) e o quadrado representando a matéria(o corpo carnal).

*(Em algumas cartas,podemos ver essa representação
simbólica  de maneira bem explícita como no baralho da
Barbara Walker,reparem ao lado!)

Se ambos estão em harmonia,seguirão  vitoriosos seus objetivos,pois não há a necessidade de controlar
lá fora para se sentir  bem,basta  saber como você se representa no mundo externo.
Se meu interno está em "ordem",vou espelhar  isso lá fora e a tal "bagunça" não irá me representar...
Afinal de contas,quem está dirigindo o Carro?

Nessa volta ao mundo, vimos uma palavra que aparentemente não tinha nada a ver com a carta,nos remetendo a um significado profundo do arcano.
É isso que faz a intuição ,nos despertar para algo que pode não estar explícito.
Com estudo e conteúdo,fica mais fácil deixar-se levar pelas associações,é
como se déssemos um aval interno que nos tranquiliza do temor de estarmos apenas divagando ou pior, no "achismo".
Assim,o simbolismo e os detalhes se tornam ricos numa leitura!
Espero que tenham gostado.

beijos e bênçãos!




*Cartas usadas:

http://www.albideuter.de/html/old_english_2_7.html

http://www.albideuter.de/html/albano-waite_7.html

http://www.albideuter.de/html/walker_7.html





Nenhum comentário: