segunda-feira, 28 de julho de 2014

Reação em cadeia

Boa tarde pessoas trabalhadoras! :-)

Hoje a postagem demorou mais um pouquinho devido aos atendimentos marcados...a segunda começou
produtiva.

Os pitacos dessa semana vão para a Carmem Rita e everybody!

Tenho feito muito as tiragens de 3 cartas por serem mais rápidas mas prometo outras surpresinhas em breve ok?



Dessa vez caracterizei assim:
NÃO-esquerda
SIM-direita
PORQUÊ-meio

Em várias situações do cotidiano nos deparamos  com uma permissão ou negação interna de algo.
A dualidade nossa de cada dia...rs Importante também para ponderarmos e não sair por aí impulsivamente
mas extremamente penosa quando não conseguimos optar por um dos lados.

Achei ótimo o Eremita e a Imperatriz ficarem como opostos,quase "teatral" a cena!

"O NÃO"- O Eremita
Ele pode representar em alguns momentos o extremo da solidão...aquele que não quer ser visto,não quer contato,socializar nem pensar!Isso pode ser ameaçador,pois representa me expor e quem se expõem
está sujeito ao julgamento do outro...
Todos temos um momento ou fase Eremita mas ela não deve ser longa,ou pode não ser saudável.

"O SIM"- A Imperatriz
Num extremo da mesma linha temos o desejo de reconhecimento,de sermos vistos e receber os louros e méritos de nossas conquistas.
A Imperatriz nos lembra como é gostosa  a vida,existir e desfrutar do que é bom,sem medo ou sem culpa.
Ela é a força criadora em pessoa e tem consciência disso.
A sua  nobreza  e importância não está nas vestes ou na coroa,e reparem neste tarot especificamente,nossa Imperatriz está despida mas nem por isso menos bela e admirável.
Ela é a força da natureza que opera em todos nós,o desejo criador de deixarmos nossa marca no mundo.


E como um pêndulo,existem momentos que oscilamos entre um e outro,negando ou permitindo,se escondendo ou se expondo...

"O PORQUÊ"- esta é a resposta que vale milhões... o tempo todo neste balançar entre um extremo e outro,damos e recebemos...âs vezes mais  ou  menos mas sempre,uma troca.
E o equilíbrio está exatamente no movimentar-se.
Ao doar,recebo algo e vice-versa.
A valorização que o outro nos dá,a regeneração  da auto-estima e importância,a gratidão que expressamos dá ao outro  também seu próprio reconhecimento.Tudo está interligado numa grande reação em cadeia.
Lembram do lema: "Gentileza,gera gentileza"? é realmente por aí!
E não vamos nos esquecer do que possibilita este balanço: a criança que ainda habita em nós!
É ela que nos salva neste mundo onde o rigor e a dureza podem por vezes imperar.Também é ela que perdoa,dá nova chance e se diverte com as coisas mais simples.

Como sempre pontual,a carta do Oráculo do Pão complementa a questão!




Sem mais amores...
Uma semana criativa e  próspera!
Abençoados sejam


2 comentários:

Viviane disse...

Amo seus pitacos Cris...gostaria que semana que vem fosse pra mim...Uma ótima semana para ti..beijos no coração

Cris do Tarot disse...

Oi Viviane!Você ganhou os pitacos da próxima semana!Grata pela participação.beijos e bênçãos