quarta-feira, 9 de dezembro de 2015

Perspectivas para 2016

Estas são as minhas primeiras impressões sobre o que virá neste ano de 2016.
Ainda quero explorar mais um pouco os arcanos e combiná-los a arcanos menores
 numa postagem futura.
Como uma primeira visão do que nos espera,apesar de impactante,vejo com 
otimismo o despertar da consciência individual e coletiva.
E para cada um de nós o "despertador" adequado ao seu acordar... 
quanto mais profundo o  sono mais barulho será necessário,lembre-se disso.





Perspectivas para 2016 

Para achar o arcano do ano,somamos os números  2+0+1+6  e 
obtemos o número 9.
No tarot o arcano nove é o Eremita ou Ermitão.
Representado  normalmente como um homem mais velho e solitário,
a segurar uma lanterna que ilumina seu caminho na noite escura,este arcano simboliza o momento de recolhimento,a busca interna,o amadurecimento e também um certo isolamento, já que a prioridade não é interagir com o mundo mas descobrir o mundo que há  em si mesmo.

 Outro arcano a ser considerado na análise,será o 16,já que o  usaremos nas abreviações das datas diariamente.
Este corresponde ao arcano  chamado A Torre ou a Casa de Deus.
A Torre corresponde a quebra de estruturas,quedas,rompimentos e perda da estabilidade.
Como a própria imagem sugere,algo é destruído por uma intervenção "divina".

E para não deixar ninguém  de fora,temos o arcano 20 (2016) O Julgamento,trazendo um despertar de consciência global,um "acordar" 
 numa perspectiva ampla.Este é o arcano da renovação e das surpresas,
do chamado a verdadeira vocação.

E o que poderemos esperar de 2016?

Num âmbito individual,sair da zona de conforto,uma busca necessária  e urgente por um entendimento de si mesmo.É como se o Eremita se visse obrigado a sair do recolhimento à força...a casa caiu e é preciso se expor,não
 há onde se esconder.

 Estruturas  emocionais se rompem,conceitos caem por terra,
impossibilitando-nos de continuar no lugar confortável  que conhecemos.
Essa ruptura pode ser devastadora se não houver  o centramento e a consciência necessária.
É o sair da casinha,popularmente falando.
Pessoas perdendo literalmente a sanidade por não serem capazes de administrar  grandes mudanças em seus paradigmas.

Em contrapartida,surge a  oportunidade fantástica de curar-se,entendendo 
cura como transformação,uma oportunidade de refazer-se com a maturidade necessária,aceitando  profundamente a humanidade  e sua sombra.

Ao pensar no Eremita saindo da Torre que cai,avisado pela trombeta do anjo
no Julgamento,não deixo de pensar na exposição do EU que tudo isso pode causar.

Como uma invasão de privacidade ,este ano trará a tona o melhor e o pior que estava oculto no ser  humano,revelando facetas desconhecidas de nós mesmos,tanto para o positivo quanto para o negativo.
São as máscaras que caem...

O importante é a oportunidade de aprender com tudo isso ,nos tornando
 mais íntegros e verdadeiros.
Revendo valores e conceitos.

Considerando  esta influência no país, a quantidade de escândalos que vimos em 2015 poderá ser  superada facilmente,só que desta vez com uma diferença:
a verdade vem a tona e sem maquiagem.

A grande mídia responsável pela manipulação em massa sofre uma ruptura,onde perde o apoio velado de seus colaboradores.
O país assim como os indivíduos,passará por uma grande  reestruturação ,
onde  acontecerá  a exposição e investigação de pessoas importantes,
antes intocáveis(juízes,diplomatas...).

Na economia nosso selvagem capitalismo  chega ao alto da Torre,e como todo mundo sabe,quanto mais alto se está ,maior o tombo.Por isso,as grandes indústrias  deveriam começar a repensar seus modelos e reestruturar suas bases,pois não há como manter a sustentação  da mesma forma.

A palavra "reforma" se torna mais que adequada na política,no financeiro,no indivíduo... 
Este ano não há como se jogar a sujeira(ou a lama)para debaixo do tapete.
É hora de mudar.

beijos e bênçãos

6 comentários:

Sol Taroterapia disse...

Gostei muito

Andre Boneberg disse...

Adorei Cris, sempre perfeito seus posts!!!

Amanda Medeiros disse...

a lama já começou a escapulir em 2015... e vai continuar invadindo em 2016.
que estejamos dispostos às reformas necessárias, tanto na esfera individual quanto na coletiva...
acordemos para o nosso próprio papel nisso tudo: como eleitores, consumidores, usuários de serviços públicos e privados... somos co-responsáveis.

Carmem Rita disse...

E que o ano início se muito bem, que está viagem seja proveitosa

Carmem Rita disse...

E que o ano início se muito bem, que está viagem seja proveitosa

Tatiana Moreira disse...

Cris desejo de todo o meu coração um 2016 repleto de amor, paz, saúde e prosperidade para você! Obrigada por sempre nos guiar ao bem! Beijos