segunda-feira, 26 de dezembro de 2016

Perspectivas para 2017



   Todo mundo ansioso??
   Muita calma nessa hora.
   Como sempre digo: são perspectivas,não são previsões,até porque
   detesto essa visão fatalista.

Para achar o arcano do ano,somamos os números 2+0+1+7= 10 ,
o arcano é a Roda da Fortuna mas não vamos desprezar os outros 
números que fazem parte deste contexto...
Assim 2017,gerou o 20 e também o 17,igualmente importante,
pois vale lembrar que nas datas sempre abreviamos os números e 
os repetimos diariamente.

Smith-Waite Tarot Deck

O Mago aparece quando faço a redução teosófica do 10 , 1+0=1.
Necessário? Sim,não ,talvez...uns dirão que não se faz redução do arcano
encontrado,etc,porém me  deu vontade e incluí o Mago,falou?rs

Vamos ver o que esta salada  de arcanos pode nos trazer em 2017!!

Vou considerar a Roda o arcano de influência principal e começar por ele.

Um ano que seja inspirado,por assim dizer, na Roda da Fortuna tem
como principais características: rapidez,mudanças,transformações e
instabilidade... 

A Roda,como o próprio nome já diz,circula infinitamente,trazendo para 
cima quem estava lá embaixo,e o seu oposto também.
É o movimento da vida,cíclico,sazonal e contínuo.

Isso traz um período de mudanças  necessárias e talvez "menos esperadas",
reparem que não usei a palavra inesperadas...Como creio que a origem
do movimento da Roda é seu centro,ou seja seu interior,a mudança que acontece é de certa forma uma projeção externa da transformação interna.

O que isso traz na vida prática??
Mudanças,ganhos,perdas,e lógico,uma certa instabilidade se a velocidade
da Roda estiver acelerada.
Isso é ruim? Sim,não,talvez,todas as anteriores rs

Vou explicar e chamar agora mais dois arcanos:O Julgamento(20)e A Estrela(17).

Diria que esta Roda que nos impulsiona e transforma está sujeita ao 
despertar da consciência trazido pelo Julgamento e o deixar fluir
da Estrela, sendo assim impossível continuar estagnado.
Uma vez desperto para o seu potencial,nada mais natural do que as
coisas fluírem.

Pegar carona neste movimento é saudável e inteligente porque
resistir num vai dar,percebe?

Ansiamos pelas mudanças mas na maior parte das vezes,as tememos.
Este trio sinaliza que não adianta tentar se agarrar a nada,e que toda
esta ação é  natural.

O que antes estava estagnado ou emperrado,agora pega impulso e
flui como as águas na Estrela,então processos internos que pedem
mudanças há "séculos" podem,finalmente entrar em ação,trazendo
para o mundo externo seus reflexos.

O "reflexos" ou projeções destas mudanças internas podem trazer no
plano físico mudanças no trabalho,residência,relacionamento
e até saúde.
Preste  muita atenção onde se sente estagnado e observe a 
mudança surgir com rapidez.

Sabe o lado profissional que não anda?Quem sabe se sua vocação
não é outra?A Roda pode te trazer a mudança com um convite
para uma área diferente de trabalho...
Ou aquela relação afetiva que está empacada,pode de repente se  romper...
Ou o concurso que fez um tempão atrás,pode te chamar para um outro estado... a bolsa de estudos no estrangeiro pode sair... 
Toda mudança aqui trás uma grande virada na vida,é disso que
estamos falando: a Roda!!
Só não aconselho fazer apostas!!rsrs O que vem,também pode ir com 
grande facilidade.


Em relação ao ambiente(Terra),este trio me fez pensar novamente em
barragens que se rompem,no fluxo da água que não se pode conter,
portanto,talvez este seja um ano mais relacionado a enchentes  e ao
avanço da água sobre os aterramentos,como se ela tentasse 
recuperar seu fluxo natural.

A intuição aqui tá me incomodando e gritando no meu ouvido
repetidamente:não consigo deixar de pensar nos tremores subaquáticos,
como fendas e placas tectônicas...A Terra se ajeitando e causando 
alvoroço nas águas.O ciclos do planeta  se manifestando.
Hora de se preparar para os extremos do clima.

O Mago no meio disso tudo representa a ação consciente para trazer
o equilíbrio necessário no meio de tanta mudança.
Ele pode se colocar no centro da Roda e sofrer menos com o movimento,
deixando-se levar até onde lhe interessa,não desperdiçando energia,
só agindo na hora certa.

Esse UM consciente de si mesmo e do mundo que lhe cerca,aproveitará
com certeza todas as oportunidades que surgirem,já que ele é rápido e 
tem energia para dar conta do recado,afinal,ele sabe
manipular os elementos.


Este ano vou incluir o Universal Goddess Tarot e falar um pouco da 
deusa que corresponde a Roda: Arianrhod.

Universal Goddess Tarot , Smith-waite Tarot

 "Arianrhod é a guardiã da "Roda de Prata", ou "Disco de Prata", que é uma 
roda de prata com oito raios que representam a roda das estrelas. 
"Arian" significa "prata" e "rhod" significa roda ou disco.
Considerada uma Deusa do Amor e da Sabedoria, ela representa os elementos 
Ar e Água. É igualmente Deusa da reencarnação, do tempo cósmico, do carma,
 da Lua Cheia dos namorados e a Grande Mãe Frutuosa. Essa Deusa era filha 
de Don, a Deusa-Mãe gaulesa (equivalente a Dana irlandesa) e portanto, 
irmã de Gwydion, Gobannon e Amaethon.

Na tradição celta, essa Deusa se apresentava de dupla forma, como Virgem 
e Mãe, Padroeira da Lua, da Noite, da Sexualidade, da Justiça, da Magia e 
do Destino. Mais tarde, é apresentada como uma Deusa-Mãe, girando a Roda
 de Prata e transformando-a em uma barca lunar. Essa Deusa gaulesa é a figura 
primal de poder e autoridade feminina, considerada a Deusa dos Ancestrais Celtas.

Vive em um reino estelar, Caer Arianrhod, na constelação Corona Borealis, onde 
fica seu palácio, com suas sacerdotisas e de lá decide o destino dos mortos, 
carregando-os para a Lua ou para a sua constelação.
 A Deusa portanto, doadora de vida e administradora da morte.
É ainda, uma Deusa de tudo que é eterno. 
O espírito de Arianrhod é símbolo de profecia e sonhos. 
Ela controla a dimensão do tempo."

Seu símbolo  é uma Roda de Prata com oito raios e  podemos associá-lo também a roda do ano*,suas transições sazonais,enfim ,os ciclos e as 
mudanças através deles.

Essa deusa responsável pela Roda da Fortuna neste belíssimo tarot,
tem como  seus atributos ser a "senhora do destino" e controlar a
 "dimensão do tempo".
Ela nos lembra das etapas,ciclos,nascimentos e mortes.

Sua mensagem é nos fazer perceber o que é efêmero e eterno ao mesmo 
tempo,aquele momento que só pode ser vivido e não será 
mais recuperado, da vida que passa rapidamente e que precisa 
ser celebrada em cada etapa.

A Roda gira e num instante mágico,estamos em outro momento,em 
outro lugar e diferentes,ainda que os mesmos.


Que 2017 nos traga as mudanças necessárias para  que plenamente conscientes,possamos vivenciar o melhor da Vida e seus momentos!
beijos e bênçãos



*A Roda do Ano no hemisfério norte. No hemisfério sul, estas festas são comumente deslocadas por seis meses para coincidir com as estações locais.

Roda do Ano é o calendário que simboliza a concepção de tempo dos pagãos e principalmente a dos Celtas e que era um tanto quanto diferente da atual, semelhatemente ao zodíaco. Eles não viam o tempo de forma linear, mas circular, cíclico. Seus calendários levavam em conta não só o ciclo solar, como é o nosso, mas também o ciclo lunar. Originários da tradição celta, os Sabbats ocorrem oito vezes ao ano, levando-se em conta a posição da Terra com relação ao Sol: Equinócios e Solstícios. Nessas ocasiões, na Wicca, são homenageadas duas divindades: a Deusa Mãe, ou simplesmente a "Deusa", que simboliza a própria terra, e o Deus Cornífero, O Gamo Rei, protetor dos animais, dos rebanhos e da vida selvagem. Já em outros ramos do Paganismo, outros Deuses são adorados, pois que nem todos tem essas duas únicas figuras centrais.
Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.





Um comentário:

Tatiana Moreira disse...

Grata por suas brilhantes colocações!
Que venham as boas novas nesse novo ano!
Que possamos doar o nosso melhor!
Um feliz 2017 para a sua vida e coração!